Agrestina, Altinho, Barra de Guabiraba, Belo Jardim, Bezerros, Bonito, Brejo da Madre de Deus, Cachoeirinha, Camocim de São Félix, Caruaru, Casinhas, Chã Grande, Cumaru, Cupira, Frei Miguelinho, Gravatá, Jataúba, Jurema, Lagoa dos Gatos, Orobó, Panelas, Passira, Riacho das Almas, Sairé, Salgadinho, Sanharó, Santa Cruz do Capibaribe, Santa Maria do Cambucá, São Caetano, São Joaquim do Monte,  Surubim, Tacaimbó, Taquaritinga do Norte, Toritama, Vertente do Lério e Vertentes.


                     Ato nº 721 do TRF-5ª Região, 16/08/2005
                     
(Publ. Diário da Justiça da União (2), p. 451, 23/08/2005)

                    Art. 6º, § 3 da Resolução nº 33 do TRF-5ª Região, 24/11/2010
                                         
(Publ. Diário da Justiça da União(2), p. 21, 29/11/2010)

                   Consolidada pela Resolução nº 21 do TRF-5ª Região, 05/07/2013
                                           
(Disp. Diário Eletrônico Administrativo TRF5, p. 5-6, 05/07/2013)

                   Art. 2º da
Resolução nº 04 do TRF-5ª Região, 19/02/2014
                                  (Disp. Diário Eletrônico Administrativo TRF5, p. 22-28, 21/02/2014)

                   Consolidada pela Resolução nº 08 do TRF-5ª Região, 05/05/2015
                                            (Disp. Diário Eletrônico Administrativo TRF5, p. 6-7, 05/05/2015)




Comarcas estaduais que permanecem com a competência federal para causas previdenciárias (clique aqui )