Quem tem uma encomenda desviada pelos Correios pode pedir na Justiça o ressarcimento do valor da mercadoria e até indenização por danos morais. Foi o que aconteceu em Pernambuco com um estudante que ficou sem os presentes de aniversário. Na ocasião, a 29ª Vara da Justiça Federal no Estado, Subseção Judiciária de Jaboatão, condenou a Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) a pagar indenização a usuária que teve objetos enviados da Suíça extraviados no Centro de Triagem de Encomendas (CTE) do Recife. O caso foi abordado numa matéria exibida pela TV Justiça no último dia 1º. Para assistir o vídeo é só acessar o link http://programavialegal.blogspot.com/2011/09/presentes-extraviados.html.

Seção de Comunicação Social